10.12.14

durante a estadia
na casa de margo
falamos bastante
da temperatura
dentro e fora da casa
com e sem aquecedor
de dia e de noite
ela me emprestou
várias roupas suas:
um xale vermelho
uma caxemira
e um cachecol
cor de mostarda
aprendi a ligar
o aquecedor a gas
quase comprei
pantufas de pele
no mercado
de coyoacán.
quando saímos
para a calçada
sentimos calor
e concordamos:
es muy fría
esta casa
lendo o livro dela
no avião de volta
descubro
que fiz parte
da longa conversa
dela com a casa
dela com o tempo:
"me acuerdo 
de que me gusta 
mucho
la palabra
procrastinación"
leio e a reconheço
"me acuerdo 
de un ejemplo
perfecto
de procrastinación:
llevo cuarenta y tres años
posponiendo instalar
la calefacción
en mi casa"
leio e comovida
me reconheço
com ela